Connie Constance lança nova versão de ‘Kamikaze

Connie Constance lança nova versão de ‘Kamikaze
“Uma combinação impressionante e eficaz de diferentes linhagens do pop britânico: a combinação de versos quase-falados com a beleza descascada de Paul Weller; o refrão atinge alturas dignas de Florence (Florence and The Machine)”. – The GuardianSeguindo seu destemido segundo álbum, ‘Miss Power’, a deusa indie-rock Connie Constance, nascida em Watford, lançou uma feroz nova versão de seu hino feminista ‘Kamikaze’ com participação do frontman da Sleaford Mods,Jason Williamson. Connie protagoniza dois shows esgotados esta semana no The Lower Third em Londres, anunciando também uma apresentação no Village Underground dia 15 de setembro. Os ingressos estarão à venda no dia 30 de março.OUÇA AQUI
A peça original foi escrita após a apresentação de Connie apoiando Hak Baker, diretamente do palco Connie e os produtores Karma Kid eAdam Kaye (Bondax) foram para um estúdio na Old Street, determinados a captar a energia do show. Os produtores mal tinham uma linha de baixo e Connie estava gritando “TICK YES TICK NO there’s no in between, they want me to look PRETTY and they want me to look CLEAN (MARQUE SIM MARQUE NÃO não há meio-termo, eles querem que eu pareça BONITA e eles querem que eu pareça LIMPA)” e assim seu hino feminista nasceu. Discutindo ainda mais a faixa, Connie oferece: “É sobre o padrão de beleza ocidental que se espera que as mulheres mantenham, especialmente as que estão nos olhos da mídia. E também a ideia de que todos nós estamos destinados a termos e estarmos com tudo certo o tempo todo”. É sobre Amy Winehouse e mais recentemente Caroline Flack e como elas foram tratadas pela mídia em vez de cuidadas em um momento de necessidade”.Este som maximalista, pós-irônico e re-trabalhado é a mensagem central da canção e, com ambos os artistas se entregando a uma entrega em chamas, os ouvintes ficam ansiosos por mais deste casamento musical brilhantemente caótico.Jason sobre a canção: “Eu amo a energia e a mensagem da Connie nesta faixa. Embora o conceito inicial fosse para que eu entrasse como uma voz adicional a partir de sua perspectiva, senti que era desonesto me apresentar como alguém com experiência de primeira mão do patriarcado, então fui por outro ângulo: o balcão masculino, o guardião do portão. A música estourando, eu amo isso”. ‘Miss Power‘ saiu em 2022 e teve um enorme sucesso na BBC Radio 1 com 3 singles nomeados “Hottest Record In The World“, três singles incluídos em playlists e a faixa título votada como uma das “Hottest Records Of The Year“. Connie tem provado constantemente ser uma polímata musical, tocando em uma infinidade de festivais e em uma turnê esgotada no Reino Unido com o Yard Act, bem como colaborando com o Swedish House Mafia no single “Heaven Takes You Home“, que tem mais de um bilhão de streams. Connie também dirigiu o vídeo de ‘Heaven Takes You Home‘ que está atualmente com 13 milhões de visualizações e recentemente promoveu uma noite de cinema e música em colaboração com o Everyman Cinemas, discutindo seu trabalho de direção. Além de trabalhar em novas músicas, Connie está dirigindo a Black Punk Party, uma noite no clube punk de Londres e também embarcou em uma série de colaborações no Spotify que a fizeram ser saudada como a cara da campanha Rock Frequency da plataforma, além de ser exibida em outdoors em Toronto e Nova York. Fique atento para mais notícias de 2023.Connie Constance continua focada em lançar músicas que se encaixam na forma como ela vê o mundo e não na forma como o mundo a vê, com a certeza de que as mulheres negras na música alternativa não precisam ser consideradas um nicho de risco.
Redes Sociais de Connie Constance
Instagram || Facebook || Twitter || TikTok
Marketing e Promoção no Brasil:
ForMusic – [email protected]




Informações à imprensa:
Catto Comunicação
Simone Catto – [email protected]
A Rádio Sem Fronteiras

asbrazil

Deixe um comentário