Treva desafia a utopia e abraça recomeços em ‘Onde Morre o Sol’

Single, no streaming e em videoclipe, é a estreia oficial de nova banda de ex-membros do Confronto

Após a intro XXVII, que mostrou os primeiros acordes e aura da recém-formada Treva, a banda que conta com ex-integrantes do Confronto e de outras formações do rock solta enfim o primeiro single, ‘Onde Morre o Sol’.

O lançamento acontece via El Rocha Records, selo do prestigiado estúdio paulistano El Rocha.

Ouça aqui no streaming: https://rebrand.ly/Treva-OndeMorreOSol.

‘Onde Morre o Sol’ também saiu em videoclipe:

‘Onde Mora o Sol’ traz a sonoridade densa e cativante do Treva, que mistura riffs e batidas pesadas com levadas do blues e folk.

A letra, composta pelo guitarrista e vocalista Felipe Ribeiro com referências ao ensaio ‘Para que serve a utopia’ do escritor e jornalista uruguaio Eduardo Galeano, traz memórias e vitórias pessoais para falar de desmistificar utopias e abraçar as oportunidades por uma vida melhor.

O sol se põe em nosso horizonte. E como um dia escreveu Galeano: a utopia é como o horizonte que é inatingível, mas é o que nos mantém caminhando.

“Algumas frases da letra dessa música eu havia escrito ainda em 2014. À época, era uma letra que estava sendo escrita para uma nova música do Confronto. De lá para cá, muita coisa mudou, anos se passaram, grandes mudanças aconteceram e ótimas surpresas também. Com o tempo eu pude retoma-lá e trazer a ideia para uma nova perspectiva. Retomei a ideia dessa música dentro de um carro, na Dutra, ao lado do meu irmão, destino a SP, quando tudo ainda era fragmentos de um sonho. Hoje ela faz parte de uma música que é bem importante para mim. Simbólica pra uma nova fase da vida. É sobre mudança. É sobre São Paulo, sobre solidão, sobre afeto, sonhos e liberdade. É sobre a eterna busca. É sobre todos nós”, comenta Ribeiro.

E é só o começo do Treva, que tem muito mais para mostrar. 2023 será o ano da banda, acompanhe!

Treva, a banda

Treva é Chris Wiesen (guitarra), Felipe Ribeiro (guitarra e vocal), Eduardo Moratori (baixo), dois ex-Confronto, e Pedro Hernandes (bateria), experientes músicos do rock nacional, se juntaram em 2021 para um novo projeto com referências de punk rock, folk e blues.

‘XXVII’ (confira aqui) foi a primeira amostra do que é o Treva, uma intro com ceca de um minuto e meio recheada de riffs, peso e atmosferas sombrias.

Os lançamentos do Treva serão feitos pela El Rocha Records, o selo do estúdio El Rocha, com a produção, mixagem e masterização do renomado produtor Fernando Sanches.

O El Rocha Records é a casa de três nomes importantes da produção musical brasileira: Daniel Ganjaman, Fernando Sanches e também com participação da Carox. Recentemente foram responsáveis pelos lançamentos da Deb and the Mentals e da dupla A Ride for Two e The Gramophones.

Acompanhe a banda aqui: www.instagram.com/oficialtreva.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *