Metade de Mim lança Vacilo, 1ª inédita após o EP ‘Depois De Tudo Que Eu Passei’ 

Metade de Mim lança Vacilo, 1ª inédita após o EP ‘Depois De Tudo Que Eu Passei’ 

Metade de Mim inicia 2023 com ‘Vacilo’, música que funciona como um contraponto ao hiper elogiado segundo EP, ‘Depois de Tudo Eu Passei’. Neste single, que também sai em videoclipe, o quarteto paulista de rock alternativo enterra os lamentos e fala de reconhecer passos tortos, reconquistar seu lugar ao sol num mundo sem mais vacilos.

Ouça ‘Vacilo’: https://onerpm.link/132887776027.

Além do streaming, o novo single ainda ganhou um videoclipe, que estreou na noite em que o Metade de Mim fez o primeiro show do ano, dia 2 de março, no FFFront, em São Paulo.

Assista ao clipe aqui: 

Vacilo é sobre o agora, uma música de ‘menos é mais’, com um bumbo marcante e riffs sutis, ao mesmo tempo que pulsantes e expansivos, numa veia mais pop, se comparado ao que o Metade de Mim mostrou nas quatro canções do ‘Depois de Tudo Eu Passei’

A composição é de Felipe Angelim, com letras do vocalista Renan Sales. Mais uma vez, a banda fez a produção com Gabriel Arbex (que já assinou trabalhos do menores atos, Eliminadorzinho, Zander, entre outros) e a mix e a master com Gabriel Zander.

O guitarrista Felipe Angelim acredita que Vacilo ‘foi escolhida’. Ele explica: “Essa canção se destacou dentre outras novas músicas que ensaiamos e lapidamos para entrar no nosso repertório. Ouvindo diversas vezes, decidimos que era o momento de mostrá-la às pessoas”.

Renan contextualiza a letra de ‘Vacilo’. No EP anterior, as letras falam de um lugar de tristeza e um desencontro com o próximo, e esta seria uma coisa de assumir culpas e pedidos de desculpas por um vacilo. É sobre colocar um ‘perdão, eu vacilei’, e rola um pensamento interno de por que, às vezes, chateamos quem amamos”.

A parceria entre Felipe e Renan em Vacilo, mais uma vez, mostra que o Metade de Mim é uma das bandas mais autênticas e criativas do rock alternativo nacional. “O Renan interpreta e encaixa coisas muito bonitas nas músicas. Tem uma explosão de emoção muito bonita nesta faixa”, destaca o guitarrista.

Marcelo Delamanha, o artista da capa de Vacilo, é mais um do time titular do Metade de Mim – o artista assina as artes da banda desde o primeiro EP, ‘Volte/A Chuva/Acabou’. Ele fala sobre a criação.

Sobre a capa de Vacilo, nos encontramos para trocar ideias e mencionamos algumas possibilidades, entre elas, flores e algo que remetesse a um pedido de perdão (…) O desenvolvimento da arte se deu a partir do seguinte ponto: eu tenho guardadas algumas páginas soltas de uma revista antiga com uma pessoa demostrando exercícios e alongamentos; escutando o single, lembrei-me desses recortes e pensei que poderia ser um caminho legal. Fiz um primeiro esboço só com a figura da personagem central e achei que funcionaria. A partir daí fui testando coisas, adicionando e refinando os elementos”.

Vacilo, o videoclipe

Vacilo fala sobre repensar as atitudes, entender que errou e pedir perdão.
As músicas anteriores falavam de um lugar de “vítima”, culpabilizando o próximo pelos desencontros da vida. Nessa, chegou a hora de analisar e assumir os nossos erros.

A temática do clipe nasceu disso, tentando trazer uma estética bonita em um clima triste. Um momento difícil e confuso dentre as coisas lindas da vida. A presença das flores simboliza esse pedido de desculpas pelo vacilo cometido.

Com uma vista incrível de São Paulo e uma decoração muito especial, a locação escolhida foi o @andar43.

Clipe por
Direção – Murilo Amancio
Direção de fotografia – Gabriel Pignataro
Color grading – Gabriel Pignataro
Edição – Murilo Amancio

Áudio por
Produção – Gabriel Arbex
Mixagem e Masterização – Gabriel Zander
Estúdio – Costella

Agradecimentos: Kaique Brasil, Marcia D’Albuquerque e Fernando Oska.

A bandaO Metade de Mim é um quarteto paulista de emo/rock alternativo formado em 2019 que, apesar de pouco mais de três anos em atividade, já formou um relativo público com singles e, agora, dois EPs.E também trouxe para si ouvidos curiosos pelo fato de dois integrantes serem oriundos de bandas aclamadas do universo hardcore, como Clearview e Children of Gaia.O som do Metade de Mim é recomendadíssimo para fãs de ZanderTerno ReiRadical Karma e menores atos.
Metade de Mim éRenan Sales (vocal)
Felipe Angelim (ex-Clearview, guitarra)
Danilo Tanaka (bateria)
Matheus Caccere (baixo)
Metade de Mim nas redes sociais
www.instagram.com/mtddemim
https://linktr.ee/mtdm
A Rádio Sem Fronteiras

asbrazil

Deixe um comentário