Terminal Guadalupe reúne formação clássica em Curitiba para celebrar 20 anos da banda

Terminal Guadalupe reúne formação clássica em Curitiba para celebrar 20 anos da banda

A banda Terminal Guadalupe decidiu reunir a formação clássica para comemorar o aniversário do primeiro show, realizado há 20 anos, em Curitiba. A apresentação está marcada para 13 de maio, no bar Wonka.

Allan Yokohama, Dary Jr., Lucas Borba e Rubens K não tocam juntos desde 2008. Para o lugar do baterista Fabiano Ferronato, que mora na Alemanha e não pôde vir, a banda escolheu Ivan Rodrigues (Magaivers, Mordida).

“A ideia surgiu quando o Allan disse que voltaria ao país depois de cinco anos”, conta Dary (voz e violão). “As férias também são para rever os amigos”, completa Allan (guitarra e voz), que vive em Portugal.

Os músicos prometem tocar canções dos quatro álbuns da banda: “Burocracia Romântica – Trilha Sonora Original” (2003), “Vc Vai Perder o Chão” (2005), “A Marcha dos Invisíveis” (2007) e “Agora e Sempre” (2022).

Músicas como “Lorena Foi Embora”, “Esquimó por Acidente”, “Pernambuco Chorou” e “Holidays in Amityville”, a mais recente, estarão no repertório do show.

“É uma grande oportunidade para ouvir, ao vivo, músicas que levavam as nossas verdades e se confundiam com as vidas de muitos jovens na primeira década do século, além de novas canções”, observa Dary.

As novidades são do último álbum, lançado no ano passado, que interrompeu um hiato nas atividades de 2009 até 2020, quando Allan enviou mensagem para Dary com a proposta de “ressuscitar” o Terminal Guadalupe para gravar um disco durante a pandemia de covid-19.

O resultado foi “Agora e Sempre”, pré-produzido e gravado remotamente em quatro países: no Brasil, Dary; em Portugal, Allan e Marcelo Caldas (baixo); na Alemanha, Fabiano. Do Uruguai, a participação foi do cantautor Dany López.

Convidados

Além de Lucas (guitarra e teclados) e Rubens (baixo), Allan e Dary convidaram Paulo de Nadal, líder da banda Mordida, para mostrar seu lado cantautor na abertura; já Leandro Delmônico e Igor Fillus, da banda Charme Chulo, tocam junto com o Terminal Guadalupe em uma canção.
Os integrantes do TG também preparam uma surpresa para os novos e velhos fãs. “Vamos tocar a versão de uma música de uma banda curitibana muito querida por todos nós e que também faz parte da nossa história”, anuncia Allan.

SERVIÇO
Terminal Guadalupe – 20 anos dia 13/05 no Wonka (Curitiba)
A partir das 21h
Abertura com Paulo de Nadal (Mordida)
Participações: Leandro Delmônico & Igor Fillus (Charme Chulo)
Discotecagem: Piu (ruído/mm)
Nome na lista amiga em @wnkbar: RS 25 (na hora será outro preço)
Ingresso antecipado por PIX:
CNPJ WONKA
08 853 790 0001 60
Envie nome e comprovante para (41) 8893 5321

A Rádio Sem Fronteiras

asbrazil

Deixe um comentário